Por que acumular conhecimento é uma má ideia?

Eu vi um cara fazendo um post ao lado de uma pilha de livros. Algumas pessoas se dizem devoradores de livros compulsivos.

Estive pensando se vale mesmo ler tudo isso

Esta pessoa que publicou a pilha de livros é um dos meus contatos, e ele mostrou quase um metro e meio de livros empilhados, do tamanho de uma criança grandinha, e mais uma caixa da Amazon que tinha acabado de chegar. Eram livros diferentes, de diversos assuntos voltados para negócios e coach.

Ele ainda falou como é importante ter conhecimento. Como é importante adquirir e guardar conhecimento.

Mas tudo tem um certo limite.

Eu gosto de livros, mas fico me perguntando o seguinte. O que faz uma pessoa com todo aquele conhecimento da pilha de livros?

É um acumulador de Informações!

Lembrei daquela série que passa no canal History, onde um gordinho e um magricelo percorrem cidades dos estados unidos em um furgão em busca de pessoas que acumulam coisas velhas em galpões e celeiros. A série se chama Caçadores de Relíquias e vão em busca de pessoas que são acumuladores. Eles guardam o mundo inteiro e que vira a maior bagunça.

São tantas coisas acumuladas, mas para mim são apenas lixo. Estas pessoas são acumuladores compulsivos, que guardam tudo o que vêm pela frente. Eles até compram aquelas coisas para acumular.

Não é como um hobby de colecionar coisas, a coleção sai do controle e vira compulsão, e a pessoa nem tem tempo de usufruir daquilo que tem.

O mesmo acontece com os acumuladores de conhecimento

Para mim o conhecimento tem que ter uma aplicação prática. Aquilo que você aprendeu precisa ser para fazer alguma coisa, e se não servir nem deve ser adquirido.

Eu tenho uma regra, e faço o seguinte. Aquilo que eu aprendi logo em seguida crio um plano ou passo-a-passo para colocar em prática. Um conhecimento precisa ser aplicado.

Você precisa ter este conceito antes de adquirir um novo conhecimento. Vai ser útil e vou poder usar? Então venha! Ou vai ser mais uma coisa para eu colocar no quartinho da bagunça, não perca o seu tempo.

Você precisa saber tirar proveito daquilo que tem.

As pessoas estão buscando soluções complexas, para coisas que devem e em geral são simples. Você não precisa de mais conhecimento, você precisa de disciplina para colocar em prática aquilo que sabe.

É tão simples assim.

Quer um exemplo?

Se você aprendeu Marketing Digital, a base é a criação de conteúdo, e se o seu conteúdo não está atraindo pessoas é porque o seu conteúdo ainda não está bom. Não adianta aprender mais uma técnica para distribuir um conteúdo ruim. Você precisa saber como produzir um conteúdo bom, e então o público vem até você.

A simplicidade está em entender o que as pessoas querem.

É muito mais negócio você aprender como fazer um arroz com feijão saboroso, que fazer um prato todo Gourmetizado e sem gosto. Outra vez eu comi uma feijoada Gourmet, toda cheia de frescuras e com gosto de papel amassado.

O arroz com feijão saboroso você faz entendendo como usar os ingredientes que você já tem, a quantidade certa de cada coisa, a combinação entre alho, cebola e sal. Fazer um feijão bem temperado com linguiça calabresa e bacon. Até podemos dispensar a mistura com um arroz com feijão bem temperado.

Não vai adiantar comprar mais livros, você precisa aprender usar aquilo que tem em mãos, antes de partir para mais conhecimento.

No meu treinamento eu ensino como fazer Marketing Digital com Whatsapp, Intagram e uma conta no Facebook. Você não precisa nada além disso para faturar cem mil reais.

O caminho está na simplicidade.

Comentários do post

Comentários

Copyright 2019 - Marcelo J Bresciani

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?